Operação apreende 1,5 tonelada de pescado clandestino dentro de ônibus no Tocantins

Além de estar sem o documento fiscal, o pescado havia sido manipulado em estabelecimento sem serviço de inspeção oficial. Ônibus de turismo havia saído de Belém (PA) com destino a São Paulo (SP).

Cerca de 1,5 tonelada de pescado clandestino foi apreendida neste sábado (2) pela Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec), com o apoio da Polícia Rodoviária Federal. Os peixes de água salgada eram transportados em um ônibus de turismo que saiu de Belém (PA), com destino a São Paulo.

A apreensão aconteceu no posto fiscal da PRF de Gurupi. Os policiais fizeram a abordagem do ônibus e acionaram a Adapec para avaliar a carga e fazer a apreensão.

Segundo o responsável pela Divisão Especializada no Combate a Clandestinos da Adapec, Ricardo Matarazzo, o condutor do ônibus não apresentou nota fiscal.

“Constatamos no local que, além de estar sem o documento fiscal, o pescado havia sido manipulado em estabelecimento sem serviço de inspeção oficial, sendo assim, fere as legislações estadual e federal, bem como coloca em risco à saúde da população, já que é um alimento altamente perecível e nas condições encontradas não poderia ser consumido”, afirma.

Devido às irregularidades, a empresa de transporte e turismo foi multada no valor de R$ 4,5 mil e o pescado destruído no aterro sanitário do município de Gurupi.

Moradores que quiserem fazer denúncia sobre produtos de origem animal ilegais podem entrar em contato com a Adapec pelo WhatsApp 0800 063 11 2.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui