Professora é encontrada morta com tiro na cabeça dentro de casa no interior do Tocantins

Vítima é a professora aposentada Elisabeth Figueiredo, de 61 anos. Companheiro foi preso pela Polícia Civil como o principal suspeito do crime

A professora Elisabeth Figueiredo, de 61 anos, foi encontrada morta dentro de casa, neste domingo (6), em Pequizeiro, região noroeste do Tocantins. A vítima apresentava lesões na cabeça, provavelmente causadas por arma de fogo. A Polícia Civil informou que prendeu, nesta manhã, o companheiro da mulher. Ele é o principal suspeito de crime.

O delegado Roberto Assis disse que trabalha com várias hipóteses, mas não informou mais detalhes sobre as investigações. A prisão do suspeito foi efetuada pela Polícia Civil de Pequizeiro, em conjunto com a delegacia de Polícia Civil de Colméia.

O caso chegou a ser registrado na Polícia Militar como suicídio, isso porque após a morte, uma pessoa ligou para a PM informando que a professora havia se matado, dentro de casa.

Segundo o relatório, ao chegarem ao endereço, os militares constataram o óbito. No local, o irmão de Elisabeth relatou que foi até a casa e viu o companheiro da vítima com roupas sujas de sangue, mas que o homem não lhe deu explicações sobre o que teria acontecido.

O irmão relatou também que o companheiro da vítima aproveitou o momento oportuno para sair do local sem ser percebido.

Conforme a PM, o corpo da mulher estava caído ao chão com lesão na cabeça causada provavelmente por disparo de arma de fogo. Próximo ao corpo, havia uma arma calibre 38. A PM realizou patrulhamento a fim de encontrar o companheiro da vítima, mas ele não foi localizado.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui